segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

ADUBOS ORGÂNICOS


Os Principais Adubos Orgânicos 



 Húmus de Minhoca

Húmus de minhoca é básico. Se você não usa, passe a usar urgente. Só com ele você e suas plantas já tem meio caminho andado para a felicidade.


O húmus tem macro e micronutrientes e por isso proporciona uma nutrição bem completa e equilibrada para as plantas. Uma das grandes vantagens do húmus é que ele ajuda a recuperar solos cansados e já pobres em nutrientes. Por isso ele deve ser usado misturado ao substrato no plantio e no transplante e durante a manutenção deve também ser usado com mais frequência do que os outros adubos, especialmente em vasos, para manter o substrato saudável e conseqüentemente também as plantas.
Sugestão de uso: em plantios (sementes, mudas novas ou transplante) eu uso 3 partes de substrato para 1 parte de húmus. Para adubação mensal uso 2 col. de sopa para vasos pequenos (quando eu digo pequeno não é vaso de violeta, são vasos que tenham por volta de 20 cm de altura), 4 col. de sopa para vasos médios e 8 col. de sopa para vasos grandes. Isso é apenas para se ter uma idéia da quantidade. Se estiver em dúvida coloque “de menos”, não exagere.

Farinha de Osso
A farinha de ossos é um fertilizante natural rico em fósforo, cálcio e nitrogênio, elementos essenciais ao crescimento, floração e frutificação das plantas. É um adubo orgânico muito seguro, não queima as plantas. Além disso é um forte estimulante da floração e frutificação.



Torta de Mamona
De torta não tem nada, na verdade é um farelo de algodão que é rico em nitrogênio. 

A torta de mamona assim como a torta de algodão é um adubo orgânico de excelente qualidade, pois é um composto ricamente nitrogenado, eficiente na recuperação de terras esgotadas. Ela é fonte de nitrogênio, fósforo, potássio, além de micronutrientes.




Como Escolher o Adubo
Primeiramente húmus é vida. Então use húmus sempre, independente da planta. Quanto aos outros adubos você deve ter em mente o seguinte:
- Nitrogênio: estimula o crescimento foliar e o colorido mais intenso e vivo das folhas.
- Fósforo: estimula formação de flores, frutos e raízes.
- Potássio: fortalece as raízes e torna as plantas mais resistentes à doenças e pragas.
Portanto quando você desejar estimular floração e frutificação opte por adubos ricos em fósforo, como a farinha de osso. Caso queira estimular novos brotos e dar vida à planta prefira adubos ricos em nitrogênio, como torta de algodão e torta de mamona. Em casos de plantio ou transplante, especialmente de mudas jovens, opte por adubos ricos em potássio (o húmus é rico em potássio, um dos seus macronutrientes).
Eu uso muito e gostei bastante do resultado! vale muito apena usar esses 2 produtos.